terça-feira, 9 de março de 2010

Mania de mudar

Muda de ideia,
Muda de mundo,
Muda de lado,
Muda de rumo.

Muda o lugar,
Muda a cor,
Muda a língua,
Muda o sabor.

Muda a vontade,
Muda o medo.
E se muda a pessoa,
Ah! Muda o beijo.

Muda a roupa,
Muda o cabelo,
Muda o perfume,
Só não muda o desejo.

Muda o amor,
Muda o tempero,
Muda noite e o dia,
E mudam as manias.

Mudar faz bem,
E a mudança é egoísta,
Se for para agradar,
É melhor nem mudar.

Mudar é imprescindível
Mas tem coisa que continua
Sua essência é você
E isto é o que não muda.

Joice Stêfani